.comment-link {margin-left:.6em;}

sexta-feira, janeiro 07, 2005

Onde páram as elites? (22)

«Sem um sobressalto reformista forte», que vença «interesses corporativos instalados», Portugal está condenado a «um longo período de crescimento económico medíocre, em divergência com o resto da Europa».
O alerta foi lançado ontem por Vítor Constâncio, governador do Banco de Portugal, ao apresentar as previsões para a economia portuguesa para 2005 e 2006
(DN).


Boletim Económico de Dezembro do Banco de Portugal.
Nota de Apresentação do Governador do Banco de Portugal.


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Link to ClockLink.com