.comment-link {margin-left:.6em;}

sexta-feira, novembro 11, 2005

Espuma dos dias

A realidade é suculenta o suficiente para permitir a renovação dos temas a analisar e a renovação do respectivo embolso mensal que permite aos analistas/comentadores.

Eleições (nacionais ou partidárias, no país ou no estrangeiro), desempenhos políticos, guerras, efemérides, corrupções, irrupções, incêndios, inundações, bombeiros, polícias, juízes, educação, professores, médicos, advogados, jornalistas, desportistas, taxistas, sindicalistas, empresários, fuga ao fisco, segurança social, qualidade alimentar, globalização, capitalismo, comunismo e imperialismo, patriotismo de pacotilha, renovação de gerações, inovação, subsídios, previsões, astrologia, ...

É só escolher.

Mas o que fica do que tem passado?

Onde a agregação desta aparente dispersividade temática?

Onde a extracção da lógica subjacente?

Não há tempo?

É impossível?

Não interessa?

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Link to ClockLink.com